Exame de Proficiência: Um novo marco na Odontologia Brasileira

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) anunciou hoje, 29 de maio, a criação do Exame Nacional de Proficiência em Odontologia, conforme a Resolução CFO-263. Este exame visa garantir a qualidade e atualização dos conhecimentos dos cirurgiões-dentistas recém-formados, refletindo a evolução acadêmica e técnica da Odontologia.

O exame avaliará os conhecimentos dos novos cirurgiões-dentistas, alinhando-se com as Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos de Odontologia. “A criação deste exame é fundamental para assegurar que os novos profissionais estejam preparados, incorporando as mais recentes técnicas e conhecimentos científicos”, afirma Juliano do Vale, presidente do CFO. A medida busca valorizar a prática odontológica no país.

Estrutura e Implementação

O exame será anual, realizado em todos os estados e no Distrito Federal, com uma prova objetiva de múltipla escolha, especificada em edital. Será gratuito e não haverá ranqueamento dos resultados individuais, promovendo a equidade entre os novos profissionais.

Perspectivas Futuras

Espera-se um impacto positivo na qualidade dos serviços e do ensino odontológico. A constante atualização dos conhecimentos é essencial para acompanhar as rápidas inovações na área, assegurando que a prática odontológica no Brasil mantenha seu pioneirismo internacional.

A Resolução CFO-263 celebra os 60 anos do CFO e marca o início de uma ação que visa a qualidade do ensino e a formação de profissionais de excelência. O Exame Nacional de Proficiência em Odontologia é uma garantia de que o futuro da odontologia no Brasil estará nas mãos de profissionais altamente capacitados e bem preparados.

Para mais detalhes, acesse a resolução no site do CFO (cfo.org.br).

Compartilhar:

Contato